Indicadores de gestão nas clínicas de radiologia: qual a importância?

Foto de uma médica madura sentada sozinha em sua clínica e escrevendo notas
A radiologia é uma área vital na medicina moderna, e os indicadores de gestão são uma parte importante para garantir que as clínicas que prestam esse serviço funcionem sem problemas e com eficiência. Ao rastrear e analisar vários indicadores, os gerentes de clínicas podem identificar áreas em que melhorias podem ser feitas. Isso pode ajudar a melhorar o atendimento e a satisfação do paciente, bem como o funcionamento geral da clínica.

O que são indicadores de gestão?

Os indicadores são conjuntos de dados de monitoramento que apoiam a avaliação dos produtos ou serviços prestados, também são conhecidos como KPI (Key Performance Indicators). Nas clínicas de radiologia, eles fornecem uma visão geral das atividades e do desempenho da clínica, e não devem estar relacionados somente ao faturamento ou lucro. Pelo contrário, devem estar centrados em atividades cerne do negócio que, consequentemente, refletirá em bons resultados financeiros.

Qual a importância dos indicadores gerenciais nas clínicas de radiologia?

Uma clínica de radiologia eficaz deve ter um sistema para rastrear e analisar vários indicadores de gestão. Ao compreender a importância dos indicadores de gestão, as clínicas de radiologia podem garantir que estão oferecendo o melhor atendimento possível para seus pacientes.

Mas antes de tudo, estabeleça metas para sua clínica e consequentemente para cada setor (agendamento, atendimento, técnica, laudos, etc). As metas não devem ser encaradas como algo a se conquistar a qualquer custo, metas devem ser gatilhos para diversas ações que apoiarão o alcance destas metas. Os indicadores de gestão lhe mostrarão se você está no caminho para alcançar o que foi estabelecido ou se você precisa fazer algum ajuste de rota.

Painel de Metas - Animati netPACS

Existem várias razões pelas quais os indicadores de gestão são importantes nas clínicas de radiologia. Primeiro, eles ajudam os gerentes de clínicas a identificar áreas em que melhorias podem ser feitas. Em segundo lugar, eles ajudam a garantir que os padrões de qualidade, obrigatórios ou não, sejam atendidos. Finalmente, eles fornecem uma maneira de comparar o desempenho de diferentes clínicas.

Nem todos os indicadores de gestão serão aplicáveis a todas as clínicas de radiologia. O mais importante é selecionar aqueles que são mais relevantes para a missão e os objetivos da clínica. Uma vez selecionados, os indicadores de gestão devem ser monitorados regularmente e medidas devem ser tomadas quando caírem abaixo de um nível aceitável. Confira os 06 principais indicadores para acompanhar o desempenho da sua clínica.

Como a tecnologia pode auxiliar a gestão de indicadores na radiologia?

Supondo que um dos indicadores selecionado por você, para acompanhamento, seja o de Laudos Entregues dentro do Prazo e sua meta seja que 100% dos laudos sejam entregues dentro do prazo acordado com o paciente. Uma das formas de acompanhar esse indicador é através do sistema de gestão, o RIS (Radiology Information System), que lhe fornecerá telas de Dashboards ou ferramentas de relatórios que permitem saber se a clínica está ou não alcançando o objetivo.

Supondo ainda que você percebeu que na última semana o time de radiologistas não alcançou a meta (100% de entrega no prazo). Nesse caso você vai querer saber onde está o problema, não vai? É o primeiro laudo? É na revisão do laudo? Envelopamento? Onde está ocorrendo o atraso?

Exemplo de relatório de tempo médio de laudo, em horas - Animati
Ou então, vamos supor que você tem um SLA (Service Level Agreement) definido para cada situação de atendimento, para garantir que o seu paciente será atendido em um determinado tempo em cada fase da jornada dele dentro da clínica. Se você recebe uma reclamação de um paciente que apontou uma falha no processo, deixando-o muito tempo esperando para ser atendido, você provavelmente vai querer saber qual o tempo médio de cada etapa do atendimento e comparar com o paciente específico, correto? 
Histórico de atendimento- Animati
Tempo médio de atendimento] - Animati

É nestes exemplos de situações que um sistema de gestão completo vai lhe apoiar. Um RIS deve oferecer dados que vão além dos indicadores, você precisa de dados de rastreabilidade, capazes de lhe mostrar como a sua operação trabalhou e onde podemos melhorar o processo para que outras situações como esta não ocorram mais.

– Leia também: Como evitar glosas: dicas para seu centro de diagnóstico por imagem ter mais lucratividade nas operações

Avaliei os indicadores, e agora?

O acompanhamento dos indicadores é fundamental e isso deve ser feito de forma periódica, diária, semanal ou mensalmente, dependendo da criticidade do processo avaliado. 

Envolva o seu time, não assuma o controle de todos os indicadores, pois um time engajado nos resultados dos seus setores entenderão mais facilmente o que a empresa espera deles. Informe sempre os resultados, sejam eles bons ou ruins, isso lhe permitirá criar planos de ações para os resultados ruins ou deixará seu time ainda mais motivado quando os resultados estiverem acima do esperado.

E lembre-se: ter uma meta é fundamental para avaliar o indicador. Também é importante comparar temporalmente, por exemplo, os dados obtidos em relação ao mês passado, foi bom ou ruim? E se compararmos com o mesmo período do ano passado? Faça isso, é o seu benchmarking.

Dashboard de Indicadores - Animati

Quer conhecer um case de sucesso?

Clique no botão abaixo e confira as vantagens de utilizar nossas soluções no seu centro de diagnóstico por imagem.

Animati Pacs RIs e Workstation
Aumente a eficiência do seu centro de diagnóstico por imagem

calculadora de consumo de storage